terça-feira, 3 de fevereiro de 2015

A teoria de tudo (filme) - Maratona Oscar 2015

Título: A teoria de tudo (The Theory of Everything)
Gênero: Biografia, Drama
Duração: 2h3min
Lançamento: 29 de janeiro de 2015
Diretor: James Marsh
Elenco: Eddie Redmayne, Felicity Jones, Tom Prior
Nacionalidade: Reino Unido



O filme conta a história de Stephen Hawking que é um físico muito inteligente que acaba descobrindo que tem uma doença degenerativa e que sua expectativa de vida é de dois anos. Por mais que ele tenha tentando afastá-la sua namorada na época resolve tomar uma atitude e continuar com ele, mesmo sabendo de tudo o que enfrentaria. Assim eles se casam e vivem momentos lindos juntos, têm três filhos e passam por muitos momentos difíceis. Stephen continuou seus estudos e lançou um livro sobre o tempo, baseado na seu Mestrado que ele consegue concluir mesmo com as dificuldades da doença.

Além dos direitos de sua voz, Stephen Hawking também emprestou aos cineastas o medalhão da Medalha da Liberdade e sua tese assinada para usar como adereços originais no filme. 


É um filme relativamente longo, são duas horas, mas passa voando porque é realmente muito bom. O texto é muito bom, a fotografia é linda e é um filme muito profundo. Não costumo ver dramas, mas sabendo que o filme teve cinco indicações ao Oscar fica meio impossível não ter curiosidade de assistir. Não me arrependo porque entrou para minha lista dos preferidos. As histórias de superação em geral mexem muito comigo e acredito que com a maioria das pessoas. Fico pensando que se uma pessoa que passa por tudo isso, momentos em que ela poderia desistir de tudo, mas escolhe continuar e com mais força que nunca me fazem pensar que eu, que tenho uma boa saúde posso fazer muito mais do que faço hoje. É o tipo de filme que te deixa pensativo por dias.

Eddie Redmayne reuniu-se com Stephen Hawking apenas uma vez antes do início das filmagens. "Nas três horas que passei com ele, Stephen disse cerca de oito frases", lembra Redmayne. "Eu apenas não senti que poderia lhe perguntar coisas íntimas." Por isso, ele encontrou outras maneiras de se preparar para o papel. Eddie perdeu cerca de 15 quilos e treinou por quatro meses com um dançarino, para aprender a controlar seu corpo. Ele se reuniu com 40 pacientes com ALS, manteve um gráfico de acompanhamento com a ordem em que os músculos de Hawking diminuíram, e ficou na frente de um espelho por horas a fio, contorcendo o rosto. Por último, ele permaneceu imóvel e curvado entre as gravações, tanto que um osteopata disse que ele tinha alterado o alinhamento de sua coluna vertebral. "Eu temo que sou um pouco maníaco por controle", Redmayne admite. "Eu estava obsecado. Eu não tenho certeza era saudável." 

Sinopse:
Baseado na biografia de Stephen Hawking, o filme mostra como o jovem astrofísico (Eddie Redmayne) fez descobertas importantes sobre o tempo, além de retratar o seu romance com a aluna de Cambridge Jane Wide (Felicity Jones) e a descoberta de uma doença motora degenerativa, quando ele tinha apenas 21 anos.

Indicações ao Oscar 2015:
Melhor filme
Melhor ator (Eddie Redmayne)
Melhor atriz (Felicity Jones)
Melhor roteiro adaptado
Melhor trilha sonora

Esse filme faz parte da Maratona Oscar 2015, para ver os outros filmes que serão resenhados em breve e saber mais sobre a maratona é só clicar AQUI.